segunda-feira, 8 de junho de 2015

PRESO É DECAPITADO POR DETENTOS DA 9ª SDP EM MARINGÁ



Um preso foi decapitado no mini presídio da 9ª SDP em Maringá. Segundo informações mais de 300 presos passaram a noite de sábado e todo domingo amotinados, fazendo gritaria e ameaçando uma fuga em massa. A situação começou a ficar crítica na sexta-feira, depois da  conclusão de instalação de telas nas janelas das celas, que dão acesso ao pátio de sol. As telas foram implantadas com objetivo de impedir os presos de "pescarem" pacotes com drogas, serras, brocas, celulares e fumo que estavam sendo lançados sobre a muralha do presidio. 


Com o endurecimento das regras, os presos se revoltaram, exigindo a mobilização de vários investigadores que estavam de folga. No entanto, nem mesmo a chegada de reforço policial fez os presos recuarem. Eles passaram o dia todo gritando e batendo contra as grades, usando pedaços de ferro, arrancados da estrutura, para arrebentar paredes e janelas. 

Diante da situação, a polícia efetuou dezenas de disparos de advertência, mas nem isso foi suficiente para fazer os presos recuarem. No domingo a noite, os presos comunicaram a morte de um detento dentro da Galeria C. O presidio continuou cercado, mas os detentos recusavam entregar o suposto corpo e não deixavam a polícia entrar na cadeia. 

Os presos, em espaços projetados para apenas 114, estão há cerca de um ano soltos nas duas galerias. Todas as celas tiveram as portas entortadas ou arrancadas na última rebelião. O Delegado-chefe, Osmir Ferreira, negociou com os presos o fim da rebelião. O detento foi identificado como ROGERSON FRANKLIN DE OLIVEIRA, 23 anos, natural de Ivatuba. Fonte: Roberto Silva / Fotos: Roby News e Watsapp.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...